Cirurgia plástica grátis pelo SUS, direito de todos

Cirurgia plástica grátis pelo SUS, direito de todos

Atendimento gratuitos caso ela seja necessária para o paciente ter uma vida saudável , sendo assim a cirurgia plástica grátis pelo SUS , direito de todos . 

 

Cirurgia Plástica inicialmente foi uma doutrina com o propósito de realizar procedimentos reparadores, mas hoje a maioria das pessoas busca fazer cirurgia plástica com objetivos estéticos. Cirurgia plástica grátis pelo SUS, direito de todos.

 

 

Como proceder para conseguir cirurgias plástica gratuita?

É possível fazer este tipo de cirurgia gratuita em hospitais universitários, hospitais-escola, hospitais públicos e até clínicas particulares. Algumas vezes pela solidariedade dos profissionais e outras pela obrigação do cumprimento da lei é possível conseguir plástica grátis caso o paciente tenha sofrido ou nascido com certos tipos de deformidades.

 

Os casos frequentes em que a cirurgia plástica grátis é aplicada:

⦁ Reconstrução mamária após remoção do seio com câncerCirurgia_plástica_grátis_pelo_SUS_ direito_de_todos
⦁ Crianças com labioleporino
⦁ Fendaplalatina
⦁ Queimaduras que levaram a deformações
⦁ Abdominoplastia para remoção de excesso de pele após cirurgia do estômago
⦁ Deficiência ou deformidades no rosto

A lei federal nº 10.223 (15/05/2001) a ser realizada plástica pelo SUS, ou seja, efetuar cirurgia plástica grátis para mulheres que realizaram mastectomia (remoção da mama devido a tumores malignos). Leis estaduais no RJ e SP garantem plásticas grátis para mulheres com sequelas físicas de ataques sexuais.

Cirurgia plástica exclusivamente com motivos estéticos.

Só é possível fazer na rede privada. Nem sequer planos de saúde cobrem as cirurgia plástica de graça nestes casos.
Mas se você possui alguns dos problemas listados acima deve procurar a rede de saúde do seu município e consultar a possibilidade de efetuar uma cirurgia plástica gratuita. Você também pode procurar os hospitais universitários, entidades ligadas a projetos de saúde e verificar se é elegível para efetuar o procedimento que necessita.

Cirurgia Gratuita

No site Ajuda Brasil é possível localizar as instituições que podem ajudar você no seu caso específico, na sua região, e que podem tornar realidade a sua cirurgia plástica grátis com fins corretivos.

 

 

Cirurgia pelo SUS demora quanto tempo?

 

Depende. Muito. Por que? Vejamos.
Uma cirurgia emergencial tem que demorar o mínimo de tempo possível. Se o Governo não é capaz de atender à demanda, pode ser efetuado um mandado judicial através de um advogado para obrigar o Governo a pagar pela cirurgia.
Se sua cidade tem uma estrutura de postos de saúde e hospitais públicos de qualidade, é provável que sua cirurgia seja mais rápida. Sem essa estrutura, como no caso de cidades menores que precisam enviar os pacientes para cidades maiores para a cirurgia, algumas cirurgias podem demorar meses, talvez anos para serem realizadas, por conta de uma fila de espera.
Na maioria dos casos, uma pequena cirurgia pode demorar semanas ou até meses. Pequenas cirurgias incluem a remoção de verrugas, furúnculos, unhas encravadas, etc.
Cirurgias complexas podem demorar anos para serem realizadas, mas isso varia muito de cidade para cidade, de estado para estado. Pode demorar menos, ou demorar mais dependendo da infraestrutura de saúde da região.

 

 

Tempo de espera de cirurgia pelo SUS

 

É complicado afirmar um tempo exato de espera para cirurgia pelo SUS. Você tem que conversar com seu médico para saber um prazo esperado para sua cirurgia. No caso de situações emergenciais, você deve conversar com um advogado para entrar com um mandado de segurança e conseguir a cirurgia em uma instituição particular paga pelo Poder Público, ou obrigando que eles encontrem uma vaga urgente para você.
Para cirurgias eletivas, você deve marcar a cirurgia o quanto antes, e você agiliza o processo, possibilitando que tenha a cirurgia mais cedo. Muitas pessoas postergam essas cirurgias, e acabam demorando ainda mais para terem suas cirurgias realizadas. Para cirurgias emergenciais, marque no mesmo dia, se possível, que seu médico recomendar.

 

6 cirurgias plásticas gratuitas pelo SUS.

O Sistema Único de Saúde cobre alguns tipos de cirurgia plástica que são reparadoras, como implante de silicone para quem tratou o câncer de mama e redução em orelhas de abano. Confira :

Quem sofreu um acidente ou passou por alguma doença grave e deseja fazer uma cirurgia plástica pode procurar o Sistema Único de Saúde (SUS) e pedir esse procedimento de graça.
O SUS cobre apenas as cirurgias plásticas reparadoras e isso significa que não dá para procurar o governo para fazer um implante de silicone e aumentar os seios se o motivo for estético. Por outro lado, dá para fazer essa mesma cirurgia nos casos em que a mulher teve câncer e precisou retirar a mama.

Veja abaixo as 6 principais plásticas reparadoras gratuitas que o Sistema Único de Saúde oferece:

 

1. Cirurgia de fenda palatina gratuita pelo SUS
É um problema genético que causa uma deformação na região da boca e no nariz da pessoa.
2. Cirurgia de lábio leporino gratuita pelo SUS
Este caso se parece com o da fenda palatina e pode atingir até os dentes e a gengiva.
3. Cirurgia de mudança de sexo gratuita pelo SUS
Feita em mulheres que não se identificam com o corpo que têm. Nesse caso, a cirurgia modifica os órgãos genitais e os seios.
4. Cirurgia de orelhas de abano gratuita feita pelo SUS
Indicada para quem nasce com as orelhas muito afastadas do rosto e gostaria de mudar a aparência.
5. Cirurgia de gigantomastia gratuita pelo SUS
É o nome dado para o caso de mulheres que têm os seios muito grandes, também conhecida como cirurgia de redução da mama. A cirurgia de redução evita problemas na coluna por causa do excesso de peso dos seios.
“A cirurgia só pode ser feita quando a paciente passa por uma consulta com um médico ortopedista que avalia se a saúde dela está prejudicada pelo tamanho dos seios”, explica o médico Carlos Alberto Komatsu, diretor da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
6. Cirurgia de silicone mamário gratuita pelo SUS
Cirurgia feita apenas em mulheres que retiraram o seio ou parte dele por causa do câncer de mama.
Se a cirurgia for tranquila e a paciente estiver em condições para passar por um novo procedimento, o implante será feito logo após a retirada do tumor nos seios. É a nova regra do projeto de lei aprovado em 28 de abril de 2013.
1-                                                                            2-                                                                         3-

Cirurgia_plástica_grátis_pelo_SUS_ direito_de_todos Cirurgia_plástica_grátis_pelo_SUS_ direito_de_todos Cirurgia_plástica_grátis_pelo_SUS_ direito_de_todos

4-                                                                       5-                                                                       6-

Cirurgia_plástica_grátis_pelo_SUS_ direito_de_todos Cirurgia_plástica_grátis_pelo_SUS_ direito_de_todos Cirurgia_plástica_grátis_pelo_SUS_ direito_de_todos

 

Cirurgia plástica reparadora é gratuita via SUS

 

 

Muitas pessoas procuram o Sistema Único de Saúde para realizar algum tipo de cirurgia plástica. Mas saiba que o primeiro passo pra você conseguir qualquer procedimento via SUS é procurar o posto de saúde mais próximo da sua casa. Após a consulta o médico encaminhará o paciente para a especialidade adequada.
No caso da cirurgia plástica, o SUS autoriza operações reparadoras, não estéticas conforme explica Eduardo Chem, presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e diretor do Banco de Pele do hospital Santa Casa. “Existem vários procedimentos que deixam dúvidas se são cirurgias estéticas ou reparadoras. Uma pessoa do sexo feminino que tem uma mama muito grande acarretando problema de coluna, por exemplo, é autorizada pelo sistema a reduzir a mama. Um paciente que fez redução gástrica e perdeu 40 Kg também poderá fazer a plástica de abdômen e a cirurgia mamária para a retirada da pele que ficou sobrando devido a redução de peso. Outro caso como um paciente que teve câncer de mama, fez uma reconstrução e ficou assimétrico. Tem que fazer a cirurgia estética oriunda do câncer, nesse caso o SUS autoriza também. Ou ainda a criança em idade escolar que tem orelha de abano. Ela sofre um dano psicológico devido ao bullying.”
O caráter universal do SUS traz o direito implícito do acesso a cirurgias reparadoras e reconstrutivas quando estas possibilitam a recuperação da saúde integral do cidadão, para além da finalidade apenas estética.
Em hospital-escola como a Santa Casa de Porto Alegre, cirurgias do SUS fazem parte da formação dos residentes. Alguns procedimentos são autorizados para o aprendizado destes médicos sempre mediante a supervisão de um cirurgião mais experiente. “A fila de espera para essas cirurgias via sistema é enorme como em qualquer outra especialidade. Os maiores pedidos são plástica de mama e abdômen. Na nossa equipe sempre tem prioridade os casos oncológicos, reconstrução após câncer de mama e traumas onde existe lesão vascular que precisa de um tratamento muito mais rápido,” destaca Chem que comanda uma equipe de 15 instrutores e 6 residentes.

 

Cirurgia_plástica_grátis_pelo_SUS_ direito_de_todos